Construindo o projeto de pesquisa para o mestrado

Olá pessoal!

Hoje vamos conversar um pouco sobre o tão temido projeto de pesquisa.

Como escrevê-lo? O que nele deve conter?

Vocês já devem ter feito estas (e outras!) perguntas.

Alguns institutos têm seu próprio modelo de projeto a ser seguido, mas meu objetivo aqui é apresentar para vocês os itens básicos de qualquer projeto de pesquisa, para qualquer instituto. Então vamos lá:

1. Capa: nome do instituto e da universidade, nome do candidato, título do projeto, cidade e ano.

2. Resumo: ideia geral do projeto com breve apresentação do tema, da justificativa, dos objetivos e da metodologia.

3. Introdução: o mesmo que foi feito anteriormente no resumo, mas de modo mais aprofundado.

4. Justificativa do tema: neste item vcs deverão contextualizar o objeto de pesquisa e, principalmente, justificar a relevância do seu projeto.

5. Objetivos: o que o vcs pretendem investigar e AONDE a pesquisa pretende chegar.

6. Metodologia: COMO vocês irão conduzir a pesquisa, considerando:

  • categorias de análise, isto é, os conceitos que serão utilizados (e definididos teoricamente) para conduzir a análise do objeto de pesquisa;
  • referenciais teóricos (os principais autores no assunto que embasarão o trabalho);
  • fontes / materiais a serem analisados.

7. Referências bibliográficas: mencione todos os autores citados, diretamente ou indiretamente, no projeto.

8. Cronograma de execução: você deve criar uma tabela contendo as atividades e os semestres nos quais serão desenvolvidas. Ex: créditos em disciplinas, levantamento bibliográfico e de fontes, seleção e revisão bibliográfica e de fontes, análise dos dados, relatório, dissertação e revisão.

Bom, inicialmente é isto.

A quem desejar irei disponibilizar meu projeto de pesquisa que se transformou na minha dissertação. Basta deixar o e-mail nos comentários.

Até a próxima!

Anúncios

Garimpando pelo processo seletivo

Olá pessoal!

Fiquei um tempo sumida, por conta da defesa de minha dissertação,  mas cá estou de volta!

Outro dia (em 2011) estava eu perdida, mas com o sonho de ingressar no mestrado (e na USP!). Então fui garimpando, garimpando, até que… fui aprovada!

Vcs devem estar se perguntando: como?

Então, vou relatar minha experiência pra vcs. É claro que cada Instituto tem suas normas próprias, mas, de modo geral, os processos seletivos giram em torno de:

1. Aprovação em prova de proficiência em língua estrangeira;

2. Prova dissertativa;

3. Avaliação de projeto de pesquisa;

4. Avaliação do Currículo Lattes;

5. Entrevista (com o futuro orientador ou com uma banca de profs).

Bem, imagino que milhões de dúvidas devem ter surgido em sua cabeça, como: o que é avaliado na proficiência? Ou: o que devo estudar para a dissertativa? Ou ainda: como devo escrever meu projeto de pesquisa e o que será que podem me perguntar na entrevista??

Realmente, são muitas dúvidas! Mas saiba que o caminho da pesquisa é assim mesmo, cheio de dúvidas. Vamos esclarecendo umas e logo surgirão outras.

Pensando nisto, fica combinado o seguinte: nas próximas postagens (pretendo escrever semanalmente, prometo!) estarei detalhando item por item, não necessariamente nesta ordem. Inclusive, vcs podem, nos comentários, dizer qual vcs tem mais dúvida, para que seja dado prioridade.

Um bj a todos, e vamos em frente: mestrado USP aí vamos nós! 😉